O 4º Dia Trator New reuniu mais de três mil pessoas

 

A Trator New promoveu seu 4º Dia de Negócios e atraiu até a concessionária um grande público, que pôde conhecer lançamentos de produtos e ter condições especiais para os negócios e também para a família, pois na agência foram colocados espaços para as mulheres e crianças. A concessionária abrange mais de 60 municípios e distribuiu mais de quatro mil convites para o evento. A expectativa de negócios girou em torno de R$ 40 milhões. O diretor comercial da Tratornew, Fábio Castro, explica que todos os anos a concessionária procura apresentar ao produtor o que existe de mais moderno no mercado.
Para este ano, o evento contou com o lançamento da colheitadeira CR 8090, com plataforma de 40 pés que, segundo o diretor, já venderam uma. O valor estimado deste modelo é de R$ 1,4 milhão. Outro lançamento é uma colheitadeira menor, a CR 5.85, porém, vem com grande tecnologia para atender todos os segmentos da produção de grãos.
O analista de marketing da New Holland, Rafael Stein, explica que a família de colheitadeiras CR possui uma série de características e benefícios que deixa a marca bem posicionada no mercado. “A colheitadeira CR é a única máquina do mundo que possui a tecnologia de duplo rotor. Esta tecnologia vai de encontro com a melhor qualidade de grãos e até mesmo com um desempenho melhor na distribuição de grãos. Outro fator é a mesa auto-nivelante, que vai copiar o terreno com até 17% de declividade. E aí trabalha em conjunto com a mesa, peneira principal, inferior, superior e o ventilador. Todo este conjunto vai fazer o nivelamento da máquina em relação a topografia do terreno”, descreve Rafael. Ele frisa que todas as CR's possuem essa tecnologia, desde a maior até a menor, e assim oferece a todos os seus clientes, grandes ou pequenos, a mesma condição para trabalho.

 

 

Perfeição - O analista destaca que a CR 5.85 chegou para atender o produtor que busca a perfeição. Ela possui dimensões menores que as outras, mas com tecnologia de máquina grande, o que garante que seu desempenho no campo vai manter a produtividade sempre em alta. A caçula da família tem tudo para fazer bonito no campo e descomplicar o trabalho do agricultor. A CR 5.85 também vem equipada com duplo rotor, alta capacidade de colheita e o mesmo comprometimento com a qualidade dos grãos em relação a sua concorrência e a questão de tecnologia embarcada. “Hoje a nossa máquina é auto inteligente, pois possui vários comandos que auxiliam o produtor a fazer um trabalho melhor no campo”, evidencia. Em relação à plataforma superflex, ele explica que foi projetada para manter a eficiência da máquina em diferentes condições de colheita. Seja o solo duro ou macio, o sistema de braços de suspensão garante a flexibilidade necessária para a barra de corte trabalhar mais rente ao solo. Outra vantagem da plataforma superflex é o bloco de torção ajustável, localizado entre a armação principal e o braço de apoio, que controla a pressão da barra de corte sobre o solo. Assim, com a CR5.85 ficou ainda mais fácil fazer cortes mais rentes ao solo, graças à plataforma superflex que consegue acompanhar as irregularidades do solo. Para garantir o bom desempenho da superflex sobre solos modificados, sensores elétricos, localizados nas extremidades da plataforma, promovem movimentos de altura e flutuação lateral com bastante precisão, simplificando toda a operação.
Tanque - Quanto ao tanque graneleiro da CR5.85, o consultor Rafael explica que tem capacidade para 7.050 L, com tubo de descarga que alcança 90 L/s com total visibilidade de dentro da cabine. Com isso, o operador não precisa parar a colheita para realizar o processo de descarga. Em relação ao motor, ele destaca que é um motor “inteligente”. "O motor da CR5.85 é um New Holland Eletrônico de 265 hp (195 kW), silencioso, de baixo consumo, com sistema de injeção Common-Rail e intercooler ar/ar. Que injetará a quantidade correta de combustível para determinada função da máquina em campo”, descreve.

 

Please reload

Please reload

Siga-nos
  • Facebook Basic Square

© 2023 por Sindicato Rural de Ponta Grossa