Acompanhe o desempenho das ovelhas pela internet

December 10, 2016

 Utilizando inteligência artificial e dados da anatomia genética de um cordeiro ideal, foi criado um programa para atender a administração e o manejo do rebanho de ovinos.
 

Um projeto que possui plataforma online pretende auxiliar criadores de ovinos na hora de acompanhar o rebanho. Trata-se de um sistema especialista que usa a inteligência artificial e os conceitos avançados de programação com base em anatomia genética científica de um cordeiro ideal. A ideia para desenvolver o sistema foi da ovinocultora e zootecnista Juliana Ferreira Borges e do programador Átila de Freitas Junior. Segundo eles, o programa é fácil de ser usado, pois com o mínimo de informações possíveis o criador pode administrar um rebanho fornecendo vários dados importantes, seja para uma produção grande ou pequena. O sistema é gratuito e pode ser acessado pela internet pelo site www.sistemaovinos.com.br. O Sistema Ovinos © está abrindo um número limitado de cadastros. Nesta etapa, o sistema estará disponível gratuitamente e terá uma média de 50 cadastros para que estes primeiros usuários cadastrados possam testar livremente o sistema. Após o cadastro, os desenvolvedores entram em contato para liberar o usuário e a senha de acesso.
Juliana explica que decidiu criar algo para ajudar na administração do rebanho de ovinos em sua propriedade Capão das Pompas.  Desta forma, nasceu o sistema de controle online, para facilitar o trabalho dos criadores. "O produtor sofre muito com a coleta de dados como nascimento, ficha de abate, rendimento de carcaça, vacinas, medicações, acompanhamento da alimentação e a conversão de peso dos cordeiros, dentre outras tarefas. A princípio, o programa seria somente para nós, porém, decidimos partilhar essa facilidade de gerenciamento”, explica a zootecnista. Segundo ela, o sistema oferece facilidades no controle da produção de ovinos na propriedade, uma vez que entrega ao criador dados fáceis de interpretar. “Os índices que o criador pode avaliar na propriedade podem ser personalizados conforme o manejo da propriedade. Assim, o sistema vai sendo moldado, se adaptando conforme a necessidade do criador e mostrando dados importantes de uma forma prática”, descreve. Juliana destaca que com o sistema as informações são em tempo real, o que facilita a vida do criador. “O sistema é tempo real e não precisa ficar controlando em fichas à parte, como fazíamos antigamente na Capão das Pompas. O sistema nos dá um inventário real da quantidade de animais e quais foram os cruzamentos com o melhor rendimento, seja de genética ou de carcaça. Isso ajuda a padronizar o rebanho e melhorar a genética dos animais”, salienta.

 


INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL - O desenvolvedor do sistema, o programador e analista de sistemas, Átila de Freitas Junior, explica que conseguiu transformar a necessidade dos criadores de ovinos em uma realidade. “O sistema não revela só planilhas, é bem mais especial que isso. Ele tenta fazer análises aproximadas de um técnico de zootecnia, com base em um cordeiro ideal. Por isso, usamos métodos da inteligência artificial através de programação e fórmulas específicas na área de zootecnia com detalhes de anatomia. Assim, o sistema cria análises da situação real que você tem na propriedade e passa de uma forma transparente ao criador”, explica. Isso vem de uma forma sintética, segundo ele, para que o criador possa interpretar e entender como está o desempenho de seu rebanho, seja de corte ou genética. “Desta forma, podemos ter gráficos, planilhas e até mesmo um controle específico que o criador queira inserir no sistema. O sistema entende quase sozinho o que acontece na propriedade, com base em conceitos que foram colocados por técnicos, como a Juliana. Portanto, o programa une teoria e prática em uma plataforma que dá condições para a tomada de decisões”, descreve o programador.
O sistema hoje está mais focado para quem deseja produzir carne, mas também pode ser usado para a genética. “O programa tem conhecimentos científicos tanto para a produção de carne quanto genética. Porém, no lado genético estamos fazendo algumas adaptações para atender melhor. O foco maior do programa hoje é a produção de carne”, explica Átila.
Serviço - Para saber mais sobre o sistema o endereço é sistema.ovinos@gmail.com  ou fones:  (41) 9.9568-1606 e (42) 9.9116-6787.

Please reload

Please reload

Siga-nos
  • Facebook Basic Square

© 2023 por Sindicato Rural de Ponta Grossa

Sindicato Rural de Ponta Grossa - Pr

Tel: (42) 3222-4945