Ovos: preços caem antes de encerrar a primeira quinzena

July 15, 2020

 

 

A apatia verificada nos negócios realizados com ovos brancos e vermelhos logo na abertura da semana culminou com a primeira baixa de preços no segundo dia de negócios.

Isso porque foi constatado um crescimento nas ofertas que, aliado ao menor giro da mercadoria no varejo, proporcionou aos compradores a possibilidade de forçar fechamentos mais favorecidos. E foram contemplados com a ação.

Com a primeira queda da semana e do mês - 32ª do ano - o preço médio volta ao mesmo patamar de 7 dias atrás e se encontra 9% abaixo do recebido no mesmo período de 2016, em condições totalmente adversas na relação com os preços do milho e do farelo de soja no período.

Embora a partir de agora, historicamente, não se vislumbre boas perspectivas, existem fatores presentes no mercado que podem dar maior dinamismo aos negócios com ovos como por exemplo a alta no preço das carnes e a reabertura parcial do comércio.

Como não é possível viver de expectativas e o custo corrói as margens na base de produção, será preciso ajustar o plantel produtivo à real demanda do momento. Ao mesmo tempo é possível que haja um embate mais caloroso entre vendedores e compradores no fechamento dos negócios.

Please reload

Please reload

Siga-nos
  • Facebook Basic Square

© 2023 por Sindicato Rural de Ponta Grossa