Setor de flores da CEAGESP estima crescimento na semana do Dia das Mães

Publicado em 05/05/2022


Comercialização deve aumentar de 25% a 30%; em recuperação após fim de restrições da pandemia, setor cresceu 8,5% no 1º trimestre do ano

O Setor de Flores da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP) estima um aumento de 25% a 30% na comercialização realizada na semana que antecede o Dia das Mães. O setor foi um dos que mais sentiram os impactos das restrições impostas durante a pandemia de Covid-19 e, agora, começa a se recuperar. Já no primeiro trimestre de 2022 foi registrado, em comparação ao mesmo período do ano passado, um aumento de 8,5% na quantidade comercializada.

A recuperação ainda é pequena para o setor que, durante a pandemia, sofreu com o cancelamento de eventos, festas, casamentos etc. O Dia das Mães, então, acaba sendo estratégico para a retomada, já que é uma das datas mais importantes para a comercialização de flores e de plantas. De acordo com a Seção de Economia da CEAGESP, o movimento percebido na feira da última terça-feira (3) foi positivo para o setor. Para a próxima quinta-feira (5), a expectativa é de ainda maior comercialização.

“Os comerciantes afirmam que muitos itens já foram encomendados e o número de visitantes também deve aumentar com a proximidade do Dia das Mães. As flores de vaso, como as orquídeas, e as flores de corte, como as rosas, continuam sendo as mais demandadas nesta semana”, explica Thiago de Oliveira, chefe da Seção de Economia da CEAGESP.

Além das orquídeas e das rosas, na feira de flores podem ser encontradas azaleias, antúrios, violetas, kalanchoes, prímulas, entre outras. Também é possível encontrar muitos itens e acessórios. “Dentro da feira de flores, ainda para o Dia das Mães, há também cachepôs, vasos, fitas e afins para os floristas e consumidores finais produzirem seus arranjos”, conta Oliveira.

A CEAGESP realiza duas vezes na semana — de segunda para terça-feira e de quinta para sexta-feira — a tradicional Feira de Flores da capital paulista. São centenas de produtores, distribuidores e comerciantes de flores e de plantas reunidos no mesmo local para oferecer grande variedade, principalmente, para quem compra no atacado. A Feira de Flores acontece no pavilhão do MLP (Mercado Livre do Produtor), a partir das 22:30, seguindo durante toda a madrugada, e sendo encerrada às 9:30 da manhã seguinte.

Além da capital paulista, os entrepostos da CEAGESP no interior de São Paulo também comercializam flores e plantas, em Araçatuba, Bauru, Guaratinguetá, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José dos Campos, São José do Rio Preto e Sorocaba.

Fonte:CEAGESP

Siga-nos
  • Facebook Basic Square