Soja: Preços voltam a subir em Chicago e se ajustam antes dos novos números do USDA

Os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago voltam a subir nesta quarta-feira (9) depois de perdas consecutivas. O contrato janeiro tinha US$ 11,52 e o março, US$ 11,57 por bushel, com as altas variando entre 4 e 7 pontos nas posições mais negociadas.

O mercado corrige as últimas perdas e ajusta suas posições à espera dos novos números do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) que chegam nesta quinta, 10 de dezembro, em seu novo boletim mensal de oferta e demanda.

Como explica o consultor Steve Cachia, da Cerealpar e TradeHelp, "o dia amanheceu com um maior apetite ao rsico, mas a direção ainda é incerta. E em relação a soja e commodities agrícolas, muito depende dos números do USDA e, portanto, o dia pode ser técnico hoje".

Enquanto isso, os traders seguem cautelosos e monitorando o clima na América do Sul e o comportamento da demanda, principalmente a chinesa.